Fabricantes de móveis buscam novos mercados

img86_20403_20071122.jpg

As pequenas e médias indústrias de móveis do Paraná sofrem a concorrência de grandes marcas e também de produtos importados de baixa qualidade e baixo preço que entram no país, vindos especialmente da China. Buscar um diferencial, através da inovação na produção e uma estratégia mais agressiva de marketing, pode contribuir para ampliar o mercado. O tema será detalhado no 2º Seminário Oportunidades para a Indústria Moveleira, que acontece no dia 21 de fevereiro, no Cietep, em Curitiba, numa promoção do Conselho Temático da Indústria Moveleira, do Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep). O evento será transmitido por videoconferência para Cascavel, Londrina, Maringá e Ponta Grossa. Nestas cidades os interessados poderão acompanhar o seminário nas unidades do Sistema Fiep. O evento vai reunir cerca de 300 participantes entre industriais do setor moveleiro e da construção civil, arquitetos e instituições ligadas ao design de móveis. O Paraná tem 3 mil indústrias moveleiras formais. Metade delas – 1.500 – está localizada na Grande Curitiba e se destaca pela produção de móveis sob medida e linhas de alto padrão. Outro pólo moveleiro importante do Paraná é a região de Arapongas, no norte do Estado, onde predomina a produção de móveis seriados em MDF e estofados. “Para enfrentar a concorrência, a indústria moveleira paranaense precisa melhorar o processo de gestão, investir em tecnologias mais modernas e aproximar-se do consumidor final”, destaca Constantino Bezeruska, coordenador do Conselho Temático da Indústria Moveleira da Fiep e presidente do Sindicato da Indústria do Mobiliário e Marcenaria do Estado do Paraná (Simov). O 2º Seminário Oportunidades para a Indústria Moveleira será realizado das 9 às 17 horas, no auditório II da Unindus, no Cietep. O evento terá palestrantes de renome, como Washington Novaes, comentarista do programa Repórter Eco, da TV Cultura, que vai falar sobre Sustentabilidade na Indústria Moveleira. O publicitário Renato Meirelles, conhecido pelos seus trabalhos de marketing junto a grandes redes como C&A, Casas Bahia e Pernambucanas, falará sobre o mercado consumidor da base da pirâmide, composto pelas classes C, D e E. O seminário vai abordar também a biomarcenaria e o design como diferenciais de mercado. A biomarcenaria consiste na fabricação de móveis de forma sustentável ecologicamente, ou seja, tanto a matéria-prima como o processo de produção não podem agredir o meio ambiente. O evento é dirigido a toda a cadeia produtiva envolvida com a fabricação de móveis. A participação é gratuita, mas as vagas são limitadas. As inscrições podem ser feitas pelo site: http://www.fiepr.org.br/fiepr/conselhos . Mais informações pelos telefones: (41) 3271-9076 ou 3271-9044. Assessoria de Imprensa FIEP (31/Janeiro/2008)

About these ads

Os comentários estão desativados.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: